domingo, 15 de junho de 2014

Recurso em tempo de crise (ferramenta)

Como poderemos aproveitar os desperdícios de carpintaria para o nosso trabalho plástico? Basta combinar com o carpinteiro mais próximo para que vá juntando as pontas das peças que corta numa caixa, que depois passamos lá para recolher… É importante selecionar as peças, pondo de lado aquelas que apresentam imperfeições e farpas. Estes pedacinhos de madeira funcionam como legos, permitindo construir pequenas esculturas modulares que depois podem ser pintadas a gosto. Um recurso muito acessível para trabalhar a motricidade fina, a tridimensionalidade. Nas nossas oficinas “Museu aberto” (“Ideias na ponta dos dedos” - Descobrir Gulbenkian) reaproveitamos a madeira da oficina do senhor Correia. Ainda uma palavra sobre a cola que usamos para juntar as peças: a nossa opção foi por uns pequenos frascos de cola de madeira, muito ergonómicos (cabem bem na mão). Os tubos de “cola tudo” são difíceis de manipular, babando com frequência e gerando muito desperdício, nada indicados para trabalhar com necessidades educativas especiais. Também a opção da cola com pincel torna-se estranha: por vezes os participantes “pintam” com o pincel da cola. A função inicial do objeto sobrepõe-se ao objetivo pretendido

2 comentários:

  1. Respostas
    1. E baratinha... Os legos são caros...mas é verdade que ajudam a estruturar a reflexão construtiva

      Eliminar