terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Tangerinas!

Foto: Margarida Rodrigues
Ficou-me o cheiro das tangerinas agarrado à mão.
Apesar de não ter comigo a Margarida Vieira na realização do curso (“Mediar públicos com necessidades educativas especiais”), tudo correu bem. Um belo conjunto de formandos empenhados que se entrosaram no trabalho em grupo apresentando trabalhos muito interessantes e de fácil aplicação prática. A presença de Simão Costa (“Labmóvel”) foi muito forte, lançando novas ideias para o trabalho com crianças autistas. Ficámos todos com muita vontade de escutar Marta Vidal mais uma vez, sobre os fenómenos neurológicos presentes nas populações com défice cognitivo e autismo. Talvez este campo possa ser mais aprofundado em próximos cursos. Mas com 15 horas de formação é difícil ir mais longe nos conteúdos. Uma das conclusões práticas deste curso, para a estrutura das nossas “Oficinas Museu Aberto” é a necessidade de tornar mais inclusivas as nossas propostas, à semelhança do que já acontece no trabalho com famílias, por exemplo, este ano com a proposta “Sábado sou som” (29 de Março e 5 de Abril). O pequeno módulo de exemplos de trabalho realizado na escola e no interior do país recebeu a aprovação do grupo, o mesmo acontecendo com todos os exercícios práticos propostos: fiquei contente.
Este ano está prevista uma nova realização do curso em Viseu (Teatro Viriato) durante o mês de Outubro.

Sem comentários:

Enviar um comentário