sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

O jogo das expressões

 Aqueles que trabalham com necessidades educativas especiais sabem como é importante promover o reconhecimento das emoções junto dos nossos jovens especiais, com destaque para os autistas. Assim, construí um jogo para as nossas oficinas do programa Descobrir que trabalha os códigos do rosto. Não é muito diferente dos livros de imagens que vemos por aí. A diferença está na escala (ao tamanho de uma cara normal) e na variedade de conjuntos de olhares e expressões dos lábios definindo um vasto conjunto de emoções. Também a personagem base é neutral, não se sabendo bem se é feminina ou masculina. Os participantes jogam à vez, montando uma expressão que mostram aos seus colegas encarregados de a definir por palavras, os adjectivos. Depois,todos terão de copiar com o seu rosto a expressão proposta, experimentando com os músculos da cara o desenho de uma emoção… e funciona!

2 comentários:

  1. Ideias que funcionem, precisam-se! Gostei desta ideia e apreciei a arte!...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E funciona, Manuela! Também com meninos e meninas sem problemas... Atribuímos adjectivos a cada expressão. Um abraço.

      Eliminar