quarta-feira, 6 de junho de 2018

Formação Açores: Museus e Necessidades educativas Especiais


Dar o curso numa igreja dessacralizada, mesmo no centro da coleção.
Ambiente descontraído - trabalho aturado
Fotografia de Ana Magalhães
Decorreu de 28 a 30 de abril, no Museu Carlos Machado em Ponta Delgada o curso “Museus e públicos com necessidades educativas especiais”. Uma formação aberta, também, a técnicos de Bibliotecas. Curso teórico/prático que pretendeu dar uma visão atualizada do trabalho que vem sendo feito de criação de acessibilidades e promoção da inclusão em estruturas culturais do nosso país, com especial incidência na acessibilidade aos conteúdos e aos desafios reais da inclusão. Ao longo de três dias partilhei algumas ferramentas e metodologias que costumo aplicar na minha prática. Como a maior preocupação é pensar e construir respostas locais, tive de me adaptar à distinta realidade Açoriana, com diferenças de escala significativas entre ilhas e polivalência de funções -Um desafio. Foi bom trabalhar com um grupo exigente e heterogenio – através dele fiquei a conhecer melhor a realidade da Região Autónoma e as características das diferentes coleções e vocação dos espaços culturais. Apesar do ritmo acelerado, consegui conviver com esta mão cheia de gente singular e empenhada. Acabámos por criar um espaço na Internet, restrito ao universo dos participantes deste curso e extensível à turma que se formará em setembro, para partilha de conteúdos. No mês de setembro, teremos a segunda turma desta formação, respondendo à extensa lista de espera que se formou. Uma palavra de apreço pelo profissionalismo e hospitalidade da Secretaria Regional da Educação e Cultura, na pessoa da Dr.ª Rosa Lima que acompanhou todo este processo. 
"Selfie" de Ana Magalhães apanhando o grupo em plena "Máquina da poesia"

Sem comentários:

Enviar um comentário