domingo, 20 de outubro de 2013

10x10: Na escola Seomara da Costa Primo


A escola é limpa, organizada e o ambiente é sereno. Os alunos em pequenos grupos emprestam um colorido à nossa língua: a Siomara Costa Primo é uma escola multicultural; aqui e ali escuta-se o crioulo. Ao fundo, num outro plano, vai surgindo a nova escola numa construção ampla prometendo o espaço que falta atualmente. Logo à entrada um conjunto de aulas/contentor forma pequenas ruelas a que os alunos chamam carinhosamente “o bairro”; os jovens ocupam o espaço com esse mesmo sentimento: sentam-se no degrau da sala de aula ou conversam em pequenos grupos, encostados a uma esquina. As paredes dos diferentes núcleos da escola estão repletas de desenhos e fotografias de grandes dimensões (de assinalável qualidade), testemunhando o trabalho em torno das artes. A escola está viva, pulsa. De vez em quando uma carrinha da polícia para à porta, a lembrar que estamos numa zona difícil, mas ninguém parece incomodado.
É neste lugar que desenvolverei o meu trabalho com a professora Elisa Moreira no âmbito do projeto 10x10 (Descobrir/Gulbenkian). Junto comigo estará a Sofia Cabrita, a Margarida Mestre e o Nuno Cintrão (artistas do projeto).
Já conheci a turma com que vou trabalhar. Segundo Elisa, “foram 90 minutos de partilha e de criatividade, passados entre a poesia, o conto, a partilha de experiências, a troca de ideias e a pura fruição.” Também acho. Neste primeiro momento, teria sempre que fazer uma leitura rápida dos jovens através da comunicação, tentando seduzir para a causa da poesia: a matéria eleita para esta intervenção. Diz a professora: os alunos reagiram revelando, sobretudo, uma imensa satisfação por verem reconhecidas as suas raízes culturais; grande envolvimento e resposta rápida a todos os estímulos e solicitações.” E assim foi, peguei nas diferentes culturas, partilhando textos e até canções. Explicámos a nossa ideia, como ela seria feita sobretudo com eles, com a sua contribuição pessoal e criativa. Agora estamos a escolher textos do programa e fora dele para lançar como desafio. Como sempre aqui no blogue, tratarei de vos por ao corrente de tudo o que for acontecendo nesta edição do projeto 10x10.

2 comentários:

  1. ya ya a escola é mesmo assim eu ando lá e a escola é super serena quando não há porrada ou quando a bongo não é chamada -.-

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E como é que preferes a escola? Serena? Eu gostei do vi e do Pessoal... Quarta feira lá estarei numa escola sem igual! Um abraço. Fica bem.

      Eliminar