quinta-feira, 7 de junho de 2018

Oficina improvável na "Conquinha"


Terminou ontem, dia 6 de junho, na Biblioteca escolar da“Conquinha” mais um ciclo de “Oficinas Improváveis”, uma iniciativa da Biblioteca Municipal de Torres Vedras junto das bibliotecas escolares do Concelho. Reunimos o grupo à volta de uma grande mesa, entremeando as crianças com os adultos; auxiliares de educação, professores de ensino especial, mediador da leitura e professora bibliotecária, numa sequência de mãos que faziam passar o livro na direção dos ponteiros do relógio. A cada livro ou recurso, expliquei a razão da escolha, salientando as competências leitoras, cognitivas, sensoriais ou de motricidade, que estávamos a trabalhar1. Foi uma manhã muito serena com um grupo de crianças da miríade autista. Há 3 anos que levamos a mediação leitora junto de alunos com necessidades educativas especiais, promovendo uma relação colaborativa entre os espaços de leitura e as salas de educação especial: escolhendo livros e outros recursos, partilhando metodologias e criando condições para a realização de projetos assertivos. Ao longo deste ano acrescentou-se uma valência formativa prática, trazendo para as escolas duas técnicas da Biblioteca Municipal, a Ana Gonçalves e a Vera Fortunato. Estamos a elaborar umas fichas simples de exploração de livros testados ao longo destes anos – depois daremos notícia.
Inevitáveis carantonhas para captar a atenção dos miúdos...

(1) Eco das aprendizagens que fizémos no projeto "Dilfícil Leitura" (Folio Educa/2017)

Sem comentários:

Enviar um comentário