domingo, 5 de abril de 2015

A Grande invasão!

Como posso saber se a areia da minha praia está limpa?
Ana Pêgo conduzindo algumas experiências no jardim Gulbenkian
Terminou a oficina “a grande invasão” (oficina do programaDescobrir/Gulbenkian) em torno do perigo do lixo marítimo, com espaço para o transformar em obras de arte. Uma semana alegre, sem aquela educação ambiental escolarizada; os conceitos ficam lá todos, enquanto se derrete o plástico para uma pregadeira ou se prepara uma capa para o caderno de registos aproveitando velhos sacos de plástico. Gostei de ver as crianças de volta do enorme monte de lixo recolhido na praia (pela Ana Pêgo), identificando a origem, contando, tirando conclusões. Esta oficina viveu muito do espírito criativo da bióloga Ana Pêgo, que arrisco a apelidar “mediadora do mar”: emprestou toda a sua energia criativa e crença à causa do mar, passando esse espírito às crianças que conviveram connosco ao longo destes dias. Desta vez tive uma presença mais discreta, apoiando a concretização plástica dos objetos; pelo caminho, também aprendi e fiquei ainda mais consciente da presença nociva dos plásticos na nossa sociedade. Obrigado Ana.
 Ficaram lindas as pregadeiras
 feitas com o plástico encontrado na praia!
Um terrível tubarão
 prepara-se para devorar um peixinho amarelo
Nos cadernos de registo,
 ficaram umas histórias bem divertidas
 escritas a partir de criaturas inventadas com plástico abandonado.

Sem comentários:

Enviar um comentário