quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Mais!!

"MÁSSS!" de Peter Schossow
Terminou hoje o ciclo de sessões de promoção da leitura e da escrita do projeto “A cor das histórias” (Leitura sem fronteiras) no estabelecimento prisional do Linhó. Se já tínhamos ido à praia com o livro “A Onda” (Suzy Lee), hoje voltámos lá com o álbum “MÁAAS!” de Peter Schossow, um mar de outono de onde queremos levantar voo. Outro livro de imagens, “Migrando” (Mariana Chiesa Mateos), trouxe o drama da imigração e dos naufrágios no Mediterrâneo para a nossa grande mesa. Fica sempre um travo de tristeza, incontornável, à saída da prisão, no final de um projeto. Consegui calma e escuta num pequeno grupo de reclusos, depois surgiu a escrita. Um recluso Romeno vence a dificuldade da língua e lê-nos um poema. Outro estende-me um papel, dizendo: “Olhe, publique lá no seu blogue”. Aqui te cumpro a vontade, Kido!

Dizer adeus
de lá de longe
lá do fundo

Mas será que o adeus eterno existe?
Não acredito

O coração persiste
quando um amar de amigo
companheira
familiar
ou um outro ente querido
persiste em dizer
que adeus eterno não existe.

Quando partires
não digas adeus
que vais para sempre
porque é mentira

Levas contigo
pedaço de mim
do meu coração
Alguém
que um dia
encontrarei de volta
não aqui

Num astro mundo
te espero
de maneira a devolveres
o que é meu
Porquê?
Porque eu
também fiquei
com algo teu

Kido E. T.


A grande mesa tem uma série de livros espalhados, as minhas escolhas de leitura. O “faxina da biblioteca” toma nota dos livros que seguem para as celas (uma espécie de empréstimo domiciliário). Leio poemas da antologia de poesia de José Fanha – Zé, tenho a certeza de que irias gostar de conhecer estes teus leitores… O jovem romeno pergunta: “Tem mais livros no seu saco?” (um saco de pano das Andarilhas) - O livro “Gaveta dos papeis” de José Luís Peixoto foi escutado até à exaustão e gerou um debate profundo sobre a vida. Por hoje, é o que vos escrevo. Ainda ficou por fazer um balanço mais detalhado e crítico deste ciclo de trabalho.

Sem comentários:

Enviar um comentário