sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Uma visita no Domingo - Salette Tavares

"Alquerubim" -. Salette Tavares (Centro de Arte Moderna - FCG)
Recordo-me de Salette Tavares nos meus primeiros anos de estudo no AR.CO. Uma senhora de cabelo montado com um subtil sentido de humor comunicando bem com um bando de estudantes de imagem pouco cuidada (na altura tinha o cabelo bem comprido…). Lembro-me de ter visto a exposição na galeria Quadrum  - a “Bailia” (peça exposta no CAM) estava montada num espaço criado com lençóis que pendiam do teto, a sombra do poema projetava-se contra o tecido suspenso. Este Domingo vou fazer uma visita à obra de esta artista pouco conhecida. Sinto um certo peso da responsabilidade. Mas espero que todos aqueles que apareçam no Cam pelas 12 horas de Domingo, se divirtam e entendam melhor esta obra de poesia visual/espacial. “Visita à obra de Salette Tavares exposta na galeria de exposições temporárias, de papel e lápis na mão. O desenho como fiel amigo da memória, ferramenta reveladora de imagens aparentemente ocultas. A mesma mão que escreve o poema brincado, segue o seu caminho no traço de um lápis: o visto toma forma no registo.”

Sem comentários:

Enviar um comentário