segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Projeção na Casa da Achada!


Projeção/debate
” Tempo/Espaço 71’”– “Novas memórias do cárcere”
Tiago Afonso e Miguel Horta
6 de setembro - 21.30h
Casa da Achada (Centro Mário Dionísio)
Rua da Achada nº 11 – Lisboa (Encosta do castelo próximo do largo do Caldas)

Uma oportunidade rara para se conhecer o trabalho cultural no interior de um estabelecimento prisional, neste caso o EPR Guimarães. Um projeto da Casa de Camilo/Guimarães capital da cultura. Para além do filme, a troca de ideias sobre o projeto “Novas memórias do cárcere” – Mediação Leitora (Miguel Horta).
Diz Tiago Afonso sobre o filme que realizou: “Tempo/Espaço documenta um conjunto de actividades organizadas a partir do mote das Memórias do Cárcere de Camilo Castelo Branco, ao longo de meio ano no Estabelecimento Prisional Regional de Guimarães. Esta ocupação inusitada dos tempos livres (palavra ingrata neste contexto) foi também o pretexto para a nossa progressiva aproximação à vida dos reclusos, e a presença prolongada na prisão permitiu-nos explorar outros pormenores –  tatuagens, vigias, ferrolhos – num dia a dia algures na fronteira entre o documentário observacional e os dispositivos provocados” Diz Miguel Horta sobre a mediação leitora:” É preciso primeiro escutar as vozes e trabalhar a competência da palavra inata no amago do ser: ouvir as histórias de vida, entender as lágrimas em silêncio, e propor horizontes primeiro de escuta com narração oral e pequenas poesias, acessíveis. Depois, é ir mais longe, comunicando com disponibilidade.” In http://miguel-horta.blogspot.pt/2013/07/so-deus-me-pode-julgar.html

Sem comentários:

Enviar um comentário