sábado, 8 de junho de 2013

O "Arraial das Palavras"


Vamos invadir o jardim do Museu da Cidade com festões de bandeirinhas coloridas com palavras escritas oriundas de diversos pontos da cidade: palavras de mar, de rio, palavras cheias de água, ambiente natural da cidade de Lisboa. Uma festa de celebração da leitura, da escrita e da palavra a ter lugar no Museu da Cidade no dia 21 de Junho. E de onde vêm estas palavras? Da leitura de um conjunto de livros propostos e da escrita poética nascida a partir se uma técnica simples: “A máquina da poesia” (M. Horta). Uma maneira simples de transformar qualquer pessoa em poeta em 20 minutos…
Depois, unidas por um cordel bem comprido, as nossas bandeirinhas de palavras vão espalhar-se pelo espaço onde decorre um vasto conjunto de iniciativas. Esta ideia só ganhou corpo graças à participação das escolas básicas e bibliotecas escolares de Lisboa. Fica aqui um abraço para os tecnicos das Bibliotecas Municipais que se empenharam na divulgação e concretização desta ideia.
 Ora vejam as fotografias que fui buscar ao facebook da Rede de Bibliotecas de Lisboa (BLX) para terem uma ideia da azáfama que vai pelas escolas...

Sem comentários:

Enviar um comentário